14 de julho de 2012

1º Maratonista da equipe - de cara a Maratona do Rio 2012

      Osvaldo Brandão, primeiro atleta da equipe a encarar os 42,195km.  Quando Brandão aceitou o convite para entrar para o time já estava encarando os treinos para a estreia na maratona.
       Creio que ano que vem uma parte do grupo também estreará na maratona.
      Eu tenho receio de ter que mudar o foco de minhas corridas para fazer uma maratona, pois o desgaste e a lentidão que me trará nas provas de 5k e 10k me fazem jogar para frente a estreia. Uma hora sei que vou, mas acho que  essa hora está longe !!!
      Mas vamos, lá segue o relato do Brandão em sua longa jornada na Maratona do Rio 2012, dia 8.7.2012.



Antes de tudo gostaria de parabenizar Rodrigo, Saca e Isidoro pelos novos recordes da equipe C.R.MS e pessoais em Foz de Iguaçu pelo jeito a prova foi dura e muito frio valorizando ainda mais as conquistas. Vamos ao relato da Maratona Caixa da Cidade do Rio de janeiro em 08/07/2012. Depois de 6 meses só pensando nesta prova chegou o grande dia. Eu consegui o que tinha planejado desde o inicio do ano que seria fazer a primeira maratona entre 4h e 30m a 5h, confesso que estava mais animado antes daquela pequena lesão no joelho e até pensava em fazer tempo mais perto das 4h e 30m, mas rapadura é doce mas não é mole. (clique em mais informações)


. Acordei às 4h da manhã pra tomar um bom café da manhã e pegar o ônibus disponibilizado pela organização a partir das 5h da manhã. Uma fila imensa de corredores loucos a entrar no ônibus pois a chuva já se aproximava, quando escuto alguém falando: lá no recreio (local da largada) já está chovendo. Partimos e já no trajeto o primeiro teste para o psicológico: o motorista errou o caminho pensando que nós iríamos fazer a meia maratona ao invés da maratona. Resultado: cheguei pra largada faltando 15min (ainda dei sorte, soube depois que outros atrasaram mais ainda).

 Foi aquela correria, guarda volume, tirar foto, 2 bananas antes da largada, 250ml de isotônico e lá estava eu posicionado tentando aquecer naquela chuvinha fraca mas molhada que duraria o percurso inteiro. No km 05 mais ou menos não me recordo, tive que fazer uma parada técnica para um pit stop deu vontade de fazer 01 e não teve jeito como a praia estava vazia e os quiosques fechados fui pra trás de um deles e mandei ver (não fui o único). Até o Km 25 foi beleza parecia mais um treino longo, tanto que me atrevi a subir a temível Niemayer no mesmo ritmo e fui bem. Só que meus amigos, depois do km 35 a coisa é feia demais. Dói tudo, até a unha da mão. Ali percebi que não era mais físico e sim coração que me levaria até a chegada, mesmo porque precisava chegar até 13h no hotel a tempo de ainda pegar o Fla X Flu no Engenhão e não decepcionar minha filha Rubro-Negra no último. E assim foram os últimos 2km que pareciam intermináveis quando a menos de 1000m avisto o pórtico de chegada que parecia um oásis no meio do deserto e por incrível que pareça ainda consegui acelerar um pouco e aumentei meu ritmo para sair bem na foto.

 Pronto, missão cumprida. Acredito que o tempo me ajudou muito, apesar da chuva o clima estava ameno e o vento estava na maior parte do tempo ao meu favor. A organização estava impecável desde a entrega dos kits até o final da prova na distribuição dos lanches. O episódio do atraso do ônibus foi um caso a parte que ainda bem não me prejudicou muito mas acho que vai ter muito bafafa disso ainda. Agora vou descansar, treinos somente regenerativos por alguns dias. Percebi que se eu quiser chegar sem sofrimento na próxima maratona devo me condicionar pra fazer um pace de no máximo 6m/km. Experiência foi válida, é muito emocionante cruzar a linha de chegada depois de 42k e bem provável ano que vem farei novamente dessa vez em Porto Alegre. No domingo se houver treino da equipe levo a medalha pra vocês verem é bem bonita. 
Obrigado a todos meus amigos corredores ou não que participaram comigo nesta jornada tanto com incentivos motivacionais como nos treinos que fizemos juntos, lembrei de cada um de vocês durante os 42km. Abraços a todos.

7 comentários:

Bruno Eiji Guibu disse...

Belo relato Brandão...terminou a prova bem e estreou a equipe na distância. Primeiro corajoso a enfrentar esse desafio, passou com louvor!

Abraços!

sacadura disse...

Parabéns Brandão!!!! Mais um desafio vencido,agora é curtir a conquista e depois com calma,planejar a próxima.Abç

elton disse...

hola, chamigos!
Parabéns, Brandão! Maratona é para poucos! Desafio vencido e agora é focar nos próximos.
E o tempo da maratona? Não li direito ou vc não colocou no texto? fiquei curioso.
Abraços,
Elton Xamã

Brandão disse...

Obrigado pelos comentários elton, meu tempo foi de 4h e 51min. Grande abraço.

Brandão disse...

Valeu Bruno, você também esta no caminho certo. Abs.

Brandão disse...

É isso aí Saca, estamos juntos para POA 2013. Abs.

Isidoro Andrade disse...

Parabéns Amigo Brandão...pelo teu relato vc mostrou a força coragem e determinação para vencer com méritos esse Mega Desafio. Abço.